english français español português Русский язык italiano persian - farsi română

A profecia final

Há incontáveis profecias sobre os tempos futuros, mas somente uma se repete em muitas culturas: a chegada de um grande planeta que com seu magnetismo alterará nosso mundo. Esse planeta é conhecido desde a antiguidade como Hercólubus. O livro “Hercólubus ou Planeta Vermelho” contem toda a informação que você deve saber sobre a aproximação deste enorme astro e oferece as chaves para aproveitar este tempo crítico.

Solicite aqui seu livro gratuito

As diversas profecias

Muito se tem dito das profecias maias e o fim do mundo que assinalam o final da nossa civilização para o último mês de 2012. Se tem falado também extensamente de outras profecias do fim, como as de Nostradamus ou as do Apocalipse de São João.

A grande maioria destas predições nos alerta de grandes catástrofes na Terra, tais como uma iminente mudança no eixo de nosso planeta, o consequente degelo dos polos e o desaparecimento de grandes regiões de terra firme devido a fortes terremotos e tsunamis.

Algumas profecias falam concretamente da aproximação de um planeta que nos visita de forma periódica. Este planeta já estaria ao alcance dos telescópios e seu tamanho seria de umas seis vezes maior que Júpiter. Ele é conhecido em muitas tradições, profecias e livros sagrados, com diferentes nomes como: Baal, Wormwood, Ajenjo, Hercólubus, A Besta, Planeta Vermelho, Planeta Frio, Barnard I e outros mais.

Profecias antigas

Em todos os rincões do mundo encontramos tradições e relatos proféticos, todos eles com uma grande semelhança e que fazem referência aos tempos finais.

Ao longo da história inúmeros sábios, profetas e mestres espirituais têm assinalado como será o fim de nossa civilização.

Uma das mais antigas profecias conhecidas está na Grande Pirâmide do Egito. Nela estão escritos muitos acontecimentos estelares que se vem cumprindo desde a sua construção. Segundo a Grande Pirâmide, o fim de nossa era acontecerá em uma data entre 2001 e 2030.

De acordo com o calendário e as profecias maias, as piores catástrofes acontecerão a partir de 2012. O calendário maia termina na data equivalente a 21 de dezembro de 2012 do nosso calendário atual. Os maias profetizaram alguns dos problemas que estamos enfrentando hoje em dia: aumento da temperatura do planeta, derretimento dos polos, agravamento da falta de alimentos e água, entre outros.

A Bíblia cristã tem em seu último livro uma grande obra profética, o Apocalipse de São João. Nele se descreve o final dos tempos, o Armagedon, de forma direta e terrível. Segundo este livro, os tempos do fim verão a chegada do Anticristo, que representa o materialismo, o intelectualismo desprovido de espiritualidade, e como consequência da maldade e a degeneração extrema. Muitos interpretam que estes tempos já chegaram.

Da mesma forma, o Alcorão, o grande livro do Islamismo, adverte sobre a vinda do falso messias Al-Dajjah no fim dos tempos. Esta época virá assinalada por um alto materialismo e por uma completa falta de espiritualidade.

Na idade média, o grande vidente e astrólogo Nostradamus alertou em suas centúrias do grande Rei do terror que vem do céu. Muitos de seus estudiosos interpretam que se refere a um grande corpo celeste que alterará de forma dramática o nosso planeta.

Profecias mais atuais

Durante os séculos XX e XXI, pessoas com consciência ou com capacidades intuitivas têm alertado sobre o advento de catástrofes planetárias e do fim da nossa civilização.

Podemos recordar de Carlos Muñoz Ferrada, que além de predizer com exatidão numerosos terremotos na América do Sul, avisou em 1999 sobre a futura chegada do grande “Planeta-Cometa”.

Benjamín Solari Parravicini, o grande profeta argentino que se tem apelidado de “Nostradamus da América do Sul”, escreveu faz algumas décadas: “Chegará a hora das horas, e em sua obscuridade receberá o choque de um grande planeta. Assim a terra se transtornará. Tudo cairá”.

Alois Irlmaier, o visionário alemão da primeira metade do século XX advertiu sobre uma grande guerra que acabará com grande parte da humanidade, depois da qual haverá uma época de bênção e bem-aventurança.

Edgar Cayce, um dos psíquicos mais célebres dos Estados Unidos, advertiu sobre as mudanças no eixo terrestre, afundamento de países, degelo dos polos, desaparecimento de grandes cidades por fortes terremotos, e tudo isso para dar lugar a uma nova era de paz. Cayce situou estes acontecimentos para depois do ano 2000.

Menção muito especial merece Samael Aun Weor, o grande mestre gnóstico, que realizou numerosas conferências no México na década de 70. Ele falou de Hercólubus e explicou que nos tempos do fim este planeta se aproximaria do nosso exercendo uma grande força eletromagnética que desestabilizaria a crosta terrestre, dando lugar a grandes terremotos, maremotos, erupções vulcânicas e desastres naturais. Este planeta já chegou a nosso sistema solar em ocasiões anteriores para desencadear cataclismos que fizeram desaparecer as civilizações da Lemúria e da Atlântida. Agora chegaria para terminar com a nossa civilização e assim dar lugar a uma nova era.

O que podemos fazer?

Ante as profecias que parecem assinalar que nos encontramos muito próximos dos tempos do fim, não podemos deixar de nos perguntar:

O que há de certo em tudo isso?

Há que tomar as profecias e suas datas de forma literal ou como um dado simbólico que nos alerta para uma mudança de era?

Podemos afirmar que o fim do mundo está próximo?

E se for correto que nos esperam grandes catástrofes que implicariam praticamente no final da nossa civilização... Há algo que podemos fazer para mudar o rumo destes eventos ou sobreviver ao desastre?

A grande mudança: Despertar Consciência

Seja ou não no ano de 2012 o início do final dos tempos, há sinais suficientes para pensar que se não modificarmos a nossa forma de agir como seres humanos, nossa civilização seguirá enfrentando gravíssimos problemas sociais, econômicos e ambientais. Se não corrigirmos a tempo, as profecias se converterão em realidade e nosso destino como humanidade será o fracasso como civilização, e também nosso desaparecimento. A única saída consiste em despertar consciência.

Despertar consciência significa eliminar de nosso interior todos os vícios, defeitos e maldades que impedem que brilhe a luz, o amor e a sabedoria em nós.

É hora de despertar, é necessário transformar-se porque são inumeráveis as profecias que assinalam que o tempo da destruição está muito próximo.

O livro “Hercólubus
ou Planeta Vermelho”

Alguns Mestres de sabedoria têm elevado sua voz para nos alertar do terrível futuro que nos espera. Um claro exemplo disso, muito atual, é o pequeno livro intitulado “Hercólubus ou Planeta Vermelho”, escrito pelo V.M. Rabolú, o grande esoterista colombiano, e que podemos qualificar como um documento sobre o futuro escrito com plena consciência.

Baseando-se em sua experiência direta e consciente, V.M. Rabolú descreve os terríveis acontecimentos que sucederão em nosso planeta nos próximos tempos e mostra o caminho a seguir para lograr a transformação profunda do ser humano. Hoje em dia as afirmações contidas nesta obra contam com o reconhecimento de muitos leitores no mundo todo, que têm se beneficiado desses conhecimentos.

Em “Hercólubus ou Planeta Vermelho”, se descreve detalhadamente como serão os tempos do fim. Neste livro o autor nos alerta da chegada próxima de um grande corpo celeste ao nosso sistema solar e avisa a humanidade das consequências que terá sua aproximação.

Tudo se desenvolve de acordo com o nosso comportamento. Neste sentido o livro “Hercólubus ou Planeta Vermelho” deixa de ser uma profecia alarmista para converter-se em uma porta através da qual podemos nos liberar de uns eventos previsíveis. Estes eventos catastróficos seriam a consequência de nossos erros, acumulados através das gerações.

A mensagem do livro “Hercólubus ou Planeta Vermelho” é, portanto uma mensagem de esperança que desafia qualquer destino fixo. Ao mesmo tempo, convida a todos os seres humanos a experimentar a liberdade de sair do círculo de ignorância ao qual nos movemos.

O que queira verdadeiramente salvar-se do cataclismo que vem, deve começar de uma vez a desintegrar o eu psicológico, ou seja, todos os nossos defeitos, que são milhares. Capacitar-se para que no momento do resgate seja levado a um lugar seguro…

Isso não é para que formem teorias, nem discussões senão para que experimentem o verdadeiro ensinamento que lhes estou dando neste livro, pois não nos resta mais a que apelar.

V.M. Rabolú

Quem somos

A Associação Alcione

A Associação Alcione é uma organização legalmente constituída, sem fins lucrativos e, como tal, desenvolve suas atividades de forma altruísta sem que obtenha nenhum tipo de benefício econômico.

Em sua condição de Agente Colaborador de D. Ángel Prats, Editor do livro “Hercólubus ou Planeta Vermelho” do V.M. Rabolú, a única finalidade da Associação Alcione é a difusão e distribuição internacional do livro e sua atividade principal consiste em seu envio gratuito a qualquer lugar do mundo, em um intento de divulgar e difundir esta mensagem universal entre todas as pessoas interessadas, sem distinção alguma.

A Associação Alcione está inscrita no Registro Nacional de Associações do Ministério do Interior, grupo 1, seção 1, com o número nacional 588698, e tem sua sede na Rua Santander nº 6 - 5º andar, escritórios 4 e 5 na cidade de Burgos (Espanha).

Siga-nos no Twitter e YouTube:


Twitter   Youtube

Colabore conosco

A Associação Alcione está há vários anos enviando gratuitamente o livro “Hercólubus ou Planeta Vermelho” a todos os países. Isto tem permitido que milhares de pessoas no mundo todo recebam por correio um exemplar gratuito e, dia após dia, o número de pedidos não para de aumentar.

Visto o enorme êxito obtido, nos temos colocado como objetivo prosseguir com esta campanha de distribuição gratuita durante mais um tempo, porém necessitamos colaboradores em todos os países, pessoas que queiram se envolver com este trabalho de difusão para fazer chegar esta importante mensagem universal a todos os rincões do mundo.

Se você está interessado em ajudar na difusão de “Hercólubus ou Planeta Vermelho”, ou em manter um contato maior e cooperação com o editor da obra e com a Associação Alcione, pode nos escrever a qualquer um dos seguintes endereços:

Por correio eletrônico a: infohercolubus@yahoo.es

Por correio a:
Asociación Alcione
Apartado de correos 4
09080-Burgos (España)